Depois da Lime, que chegou às ruas de Lisboa em Outubro, é a vez das trotinetas da mytaxi darem entrada na capital, apresentando-se como alternativa ao automóvel particular e ao transporte público. São as hive e, para já, estão disponíveis pouco mais de 100 trotinetas eléctricas. A empresa detentora da aplicação móvel líder na ligação directa entre taxistas e clientes garante que serão 400 em breve.

A apresentação das novas trotinetas eléctricas aconteceu no passado dia 27 e teve como pano de fundo a zona do Saldanha, em Lisboa - um local por onde circulam visivelmente cada vez mais bicicletas, trotinetas e veículos que se apresentam como alternativa à utilização do automóvel individual e até ao próprio transporte público. Lisboa foi, assim, escolhida para ser a primeira cidade europeia a receber o projecto piloto do serviço de e-scooter da mytaxi.

São, a partir do lançamento do serviço, 126 as trotinetas que o serviço disponibiliza na cidade. Mas em breve este número deverá ir aumentando, até chegar às quatro centenas. O plano da empresa, segundo foi revelado pela própria em comunicado de imprensa, passa por “fazer crescer a frota de forma dinâmica durante o período em que decorre o projecto piloto”.

Funcionam, em quase tudo, de forma semelhante às trotinetas eléctricas disponibilizadas pela empresa norte-americana Lime. Para desbloquear uma trotinete, o utilizador precisa de ter a aplicação móvel instalada e de pagar um euro para iniciar cada viagem, ao qual acresce, depois, um custo 15 cêntimos por cada minuto passado. Mas ao contrário da Lime - que requere um carregamento mínimo de 10 euros na conta do utilizador, o carregamento para utilização das trotinetas hive não obriga à introdução desse montante.

No final de Outubro, a Smart Cities havia já noticiado a intenção da mytaxi de dar início ao seu piloto de trotinetas eléctricas partilhadas ainda durante o presente ano, com a intenção de expandi-lo, em 2019, por vários países da Europa. A entrada da mytaxi neste negócio “faz parte da estratégia de mobilidade ampliada do principal fornecedor de viagens da Europa”, lia-se, então, em comunicado enviado às redacções. Um dos objectivos, com a realização deste piloto, poderá passar por ligar o serviço de partilha de trotinetas ao serviço de ligação entre passageiros e motoristas já disponibilizado pela empresa através da aplicação móvel mytaxi.

A app da hive encontra-se disponível, de forma gratuita, para dispositivos móveis com sistema operativo Android e iOS.