2017-02-17

Smart Island, a visão da Vodafone para os Açores

A Vodafone quer que as ilhas do arquipélago dos Açores sejam as primeiras “Smart Island” e, para isso, apresentou, ontem, um conjunto alargado de dez soluções para a área da Internet das Coisas (IoT). Uma delas é a Moocall, uma solução de monitorização do período de gestação de vacas nos Açores que promete salvar bezerros e aumentar a rentabilidade das pastagens.

 

A sessão de ontem, realizada no âmbito do roadshow Vodafone IoT, que tem vindo a percorrer o país, teve lugar no Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel (Nonagon) e teve como objectivo demonstrar as potencialidades da aplicação de soluções da Internet das Coisas para o desenvolvimento da região e para a atenuação dos efeitos da insularidade e da interioridade.

 

As soluções destinam-se aos sectores público e privado e prometem optimizar a gestão de recursos, reduzir consumos, criar práticas empresariais e operacionais mais eficientes e desenvolver novos modelos de negócio, capazes de gerar benefícios para os cidadãos e para o crescimento económico do arquipélago. O portefólio das dez soluções inclui: Vodafone Smart Buildings, Vodafone Smart Lights, Vodafone Lights On, Lights Off, Vodafone Smart Waste, Vodafone Smart Water, Vodafone Smart Counting, Gestão de Frotas, Vodafone Ready Check Go, Prodsmart, e Moocall, uma novidade feita à medida dos Açores, já que permite prever com elevada precisão o momento em que as vacas dão à luz. Esta solução materializa-se na forma de um sensor, colocado de forma não invasiva na cauda dos animais, que recolhe informação em tempo real sobre os movimentos da cauda desencadeados por contracções durante o trabalho de parto. Assim que os movimentos registados atingem uma determinada intensidade, é imediatamente enviado um alerta para o telemóvel do produtor. Esta solução é apresentada como exportável para qualquer zona do mundo, fruto de um trabalho de “estreita colaboração” entre a Vodafone e os fundadores da Moocall, que tem por objectivo garantir a transmissão fiável de dados em tempo real.

 

As restantes soluções encontram-se, na sua maioria, relacionadas com a optimização da gestão dos recursos e consumos em áreas tão distintas quanto a iluminação pública, os sistemas de rega, a gestão de edifícios, de resíduos, de frotas e de linhas de produção e manufactura.

 

Em Portugal, a Vodafone conta com um centro de competências de Internet of Things, com uma equipa especializada e dedicada a trabalhar diariamente no desenvolvimento de soluções para o Grupo Vodafone.

VOLTAR

NOTÍCIAS RELACIONADAS

2017-09-29
Ribeira Grande tem uma app pensada para residentes e turistas
Locais para visitar, sugestões de restauração ou os melhores lugares para dar um mergulho. A partir de agora, é...
2017-09-19
IBM e TUB levam a IoT a bordo dos autocarros de Braga
Os Transportes Urbanos de Braga (TUB) e IBM Portugal estão a unir esforços para melhorar e personalizar os serviços...
2017-08-30
Açores procuram desbloquear o potencial do turismo sénior
O turismo nos Açores é o que mais cresce a nível nacional. De modo a tirar partido desta tendência, um projecto...
2017-08-01
Smart+Connected, gestão integrada das cidades
A fragmentação do ecossistema aplicacional é um dos maiores obstáculos à concretização de uma cidade...
VER TODAS