2017-06-29

Porto, a CIDADE+

Sara Silva, Coordenadora de Projecto CIDADE+

De 6 a 9 de julho, o Porto será o palco de debate sobre a Sustentabilidade e o Ambiente, através da 4.a edição do CIDADE+, que se realiza nos Jardins do Palácio de Cristal. A Sessão de Abertura do evento contará com uma performance pelo Balleteatro e com a presença de Filipe Araújo, vereador do Pelouro da Inovação e Ambiente da câmara municipal do Porto. No final da Sessão, será inaugurada uma escultura assinada por Bordalo II.

Durante quatro dias, os visitantes poderão conhecer diferentes espaços do CIDADE+, entre os quais a Conferência, as Oficinas, o Mercado, as Artes e Espetáculos, a Praça Empresarial e o Rossio, local onde decorrerá o Encontro Nacional de Veículos Elétricos. O principal objetivo do certame passa por simplificar a sustentabilidade, tornando-a acessível a cidadãos, autarquias, empresas, universidades e movimentos civis.


Esta mostra ambiental é de entrada gratuita e está ancorada nas dezenas de parcerias que estabelece e com as quais constrói o seu programa. Para a edição de 2017 serão debatidos temas como a eficiência energética, a boa gestão de recursos, eco-construção, arte, inovação social para comunidades resilientes, finanças éticas, economia para o bem comum, entre outros. As oficinas vão trazer a prática da sustentabilidade ao dia-a-dia de cada um.
A maior novidade da 4a edição será a realização do Encontro Nacional de Veículos Elétricos nos dias 8 e 9, que este ano se integra no CIDADE+. Este Encontro vai juntar as principais marcas nacionais e internacionais da mobilidade elétrica.


Em 2017, o CIDADE+ lança, também, a sua primeira campanha de crowdfunding, com o mote “Da Utopia ao Dia-a-Dia”, que incentiva os participantes a contribuírem para a criação deste evento, através da plataforma GoParity, a primeira plataforma de investimentos sustentáveis em Portugal.

O CIDADE+ desafia ainda autarquias, empresas, organizações em geral, projetos e pessoas para concretizar os 17 Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável, fixados em 2015 pela ONU para serem alcançados em 2030. A 4.a edição da Conferência do CIDADE+ tem como tema '17 ODS – Inspiração, Ação e Concretização', apresentando Ações, cidades e pessoas que nos inspiram. A conferência será encerrada por João Pedro Matos Fernandes, ministro do Ambiente, sob o mote '17 ODS - O que se segue?'


Este evento integra em si próprio a filosofia que comunica. Em 2017 terá várias iniciativas que o tornam cada vez mais limpo e leve na sua pegada. A empresa Boa Energia volta a trazer energia limpa ao evento com a montagem de painéis solares e as parcerias com a PlasticsunDays, OPO’Lab e Circular Economy Portugal vão fazer desta 4a edição uma de transição para um evento “Lixo zero”. Este é um objectivo a alcançar em 2018, no entanto nesta edição iniciar-se-ão os trabalhos de acompanhamento e aconselhamento dos nossos participantes para esta mudança.
Estas iniciativas refletem a postura do evento que procura a sustentabilidade nos seus próprios processos internos, nas suas relações comerciais e de parcerias, e na divulgação desta para o público, através da miríade de formas, feitios e abrangência temática inerente ao tema da sustentabilidade e à criatividade humana.

As mais de 45 000 pessoas que já passaram pelo CIDADE+, as visitas ao site efetuadas a partir de mais de 45 países e os milhares de referências ao evento têm contribuído para levar estas mensagens a dezenas ou mesmo centenas de milhares de pessoas.


Visitem-nos de 6 a 9 de Julho, nos Jardins do Palácio de Cristal, no Porto, e contribuam para esta festa da Sustentabilidade e Ambiente!




A revista Smart Cities é media partner do CIDADE+. O texto acima é da responsabilidade da organização do evento CIDADE+.

 

VOLTAR

NOTÍCIAS RELACIONADAS

2017-10-18
Tecnologia smart chega à varredura das cidades portuguesas
Instalar sensores nos carrinhos da varredura utilizados pelos cantoneiros, de forma a recolher dados sobre o serviço...
2017-10-17
Habitação, habitação, habitação
Nas recentes eleições autárquicas, a habitação tornou-se num tema dominante na agenda política e – nas maiores...
2017-09-27
Água: urgência adiada
Ofuscada pelo “imperativo” da energia, a água tem sido, muitas vezes, deixada para segundo plano. Mas a gestão...
2017-09-22
De 24 a 30 de Setembro o Porto é a capital mundial da água
Serão mais de 900 participantes de 60 países, aproximadamente 100 empresas e dezenas de oradores. O Porto Water...
VER TODAS