De 8 a 15 de outubro, Seia volta a ser a capital do cinema ambiental em Portugal, com a realização da 22ª edição do CineEco 2016. Durante oito dias, a Casa da Cultura acolhe sessões, de manhã à noite, em várias competições e sessões especiais. São quase 100 filmes de 20 países para olhar o mundo e procurar mudar hábitos em prol de um futuro sustentável.

O cinema e as questões ambientais dão, mais uma vez, o mote para o encontro em Seia do público com realizadores e diretores de festivais de todo o mundo e outros agentes culturais, proporcionando momentos de partilha e sã convivência.
O tema central da edição deste ano, relativamente à programação, tem a ver com a questão dos perigos da energia nuclear, que estará em foco em diversas sessões e debates. O acidente de Chernobyl faz agora 30 anos e por isso estará em foco no festival. Uma atenção também centrada na Central de Almaraz, que levanta questões de segurança as quais devem ser tidas em conta pelas autoridades portuguesas, no que concerne aos riscos de rutura desta central.

No festival, será igualmente assinalada a passagem dos 40 anos após a criação do Parque Natural da Serra da Estrela, através de um workshop e de uma conferência, com a participação de figuras de referência no âmbito da temática do potencial paisagístico a preservar.

No rol de atividades paralelas, cabem ainda, um concerto de olhos vendados, com Luís Antero, para ouvir os sons da natureza; uma exposição de pintura e escultura, caminhadas à serra, provas de vinhos e debates pontuais.

As escolas vão marcar presença no festival, assistindo a sessões direcionadas, mas o CineEco também vai às escolas. Desta feita, será exibido um filme infantil nos centros escolares e será realizado um workshop sobre cinema e ambiente, com convidados.

O Festival de Cinema Ambiental de Buenos Aires - FINCA será o convidado do CineEco, na linha das boas relações estabelecidas entre o festival de Seia e os restantes 35 festivais que compõem o Green Film Network.

São várias as propostas oferecidas e fáceis os caminhos para Seia, ao encontro desta festa do cinema, onde todos serão bem recebidos e onde a natureza combina com os afetos.

* A revista Smart Cities é media partner deste evento.