Tecnologia disruptiva, governança, inovação digital e cidades sustentáveis do futuro - são estes os quatro temas do Smart City Expo Curitiba, que acontece entre 28 de Fevereiro e 1 de Março e que vai destacar o ecossistema de inovação promovido por um projecto de Curitiba. A cidade localizada a Sul de São Paulo e com mais de 1,8 milhões de habitantes espera receber, durante os dois dias de evento, 5 mil visitantes na exposição.

Repartidos pelas 13 conferências agendadas estarão, ao todo, 60 speakers e moderadores, sendo que, desses, 18 vêm de fora do Brasil.

No centro das discussões estarão temas como indústria 4.0, big data, Internet das Coisas (IoT), robótica ou a aplicabilidade de soluções tecnológicas e sustentáveis em centros urbanos.

O evento, com organização da empresa de Curitiba iCities, vai focar-se nas questões da promoção da inovação, com o projecto Vale do Pinhão como fundo. Com um nome que alude ao Silicon Valley, nos Estados Unidos da América, o Vale do Pinhão é um projecto do presidente da câmara de Curitiba que visa a criação de um ecossistema local de inovação, assim como a promoção da revitalização de regiões através da criação de emprego e da fixação de empresas ligadas a uma cultura de inovação tecnológica.

Desde 2017 que a autarquia local, através da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, tem vindo a estimular a inovação nas universidades e no universo do empreendedorismo e das start-ups da cidade brasileira, assim como o investimento e a fixação de grandes empresas.

A revitalização de alguns bairros, no âmbito do projecto Vale do Pinhão, será um dos atractivos do espaço de exposições da conferência de cidades inteligentes

As inscrições para o Smart City Expo Curitiba encontram-se abertas desde 16 de Janeiro e, ao contrário das conferências, que requerem a aquisição de bilhete, o acesso à exposição será gratuito, carecendo, apenas de inscrição prévia.

O Smart City Expo Curitiba é a edição latino-americana do Smart City Expo World Congress, o evento líder mundial em smart cities, realizado em Barcelona. Na última edição do evento de Barcelona, Curitiba foi anunciada como capital latina das cidades inteligentes, tendo sido nomeada, desse modo, como palco para a edição latina do evento.