Atendendo à pandemia global de covid-19, o palco da edição de 2020 do FICIS - Fórum Internacional das Comunidades Inteligentes e Sustentáveis vai ser o meio digital. De 14 a 16 de Abril, a conferência convida especialistas e representantes dos sectores público e privado a debater o futuro da inteligência urbana. O director de tecnologia da Huawei para a Europa Ocidental é um dos convidados a integrar a discussão, num evento de participação gratuita em que a revista Smart Cities assume o papel de parceira de comunicação.

Comunidades e sociedade inteligente, comércio on-line, mobilidade, economia, governança, inteligência energética e smart tourism - estes serão alguns dos temas em discussão ao longo dos três dias da conferência, que se realizará, pela primeira vez, em território digital. O evento de inteligência urbana, que vai já para a sua sexta edição, vai reunir autarcas, representantes de empresas e do sector público no debate sobre “as futuras cidades” - o ponto de partida escolhido para 2020 no Fórum Internacional das Comunidades Inteligentes e Sustentáveis.

Durante os três dias, o programa terá como constante diária um espaço de debate entre autarcas, que trará à discussão, entre outros, o presidente da câmara municipal de Braga, Ricardo Rio, e os presidentes dos municípios de Guimarães e Funchal, Domingos Bragança e Miguel Gouveia, respectivamente. Para o painel dedicado à construção das cidades inteligentes (Building Smart Cities), o FICIS convidou o director de tecnologia da Huawei para a Europa Ocidental, Richard Budel. O representante da multinacional chinesa de redes e comunicações vai debater o tema com a directora de administração pública e saúde da Minsait, Joana Miranda, e com o director de transformação digital para smart cities da Cisco na Suíça, Joel Curado.

No espaço dedicado à economia inteligente e governança, marcado para o segundo dia de conferência, marcará presença a secretária geral do ambiente e directora do Fundo Ambiental, Alexandra Carvalho. Destaca-se ainda a presença do director de smart cities da Microsoft na Europa Ocidental, Jose Antonio Ondiviela, que se junta a representantes da Altice e da IBM numa conversa sobre tecnologia inteligente e inovação, marcada para o dia inaugural do evento.

O registo para participar na conferência é gratuito e pode ser efectuado on-line.

Desde 2015, o FICIS já trouxe à discussão sobre inteligência urbana 2500 participantes, mais de 200 oradores e moderadores, 25 presidentes de câmaras municipais e mais de duas dezenas de instituições de investigação e de ensino superior. A revista Smart Cities é a media partner do FICIS 2020.