A partir de agora, a população idosa da Amadora passa a poder requisitar serviços de limpeza a preços reduzidos, num máximo de 16 horas anuais. A autarquia inaugura o novo serviço através do projecto de apoio ao idoso do concelho AmaSénior, numa iniciativa que resulta de uma parceria entre a câmara municipal e a Fundação AFID Diferença.

O anúncio da disponibilização do serviço de limpeza ao domicílio partiu da câmara municipal da Amadora, no passado dia 19 de Fevereiro. Qualquer idoso do concelho pode agora requisitar serviços de limpeza a preços reduzidos na sua habitação. O recém inaugurado serviço destina-se a cidadãos portadores do cartão Amadora 65+ - um cartão destinado a idosos do concelho com mais de 65 anos de idade e a pensionistas, reformados e pessoas com incapacidade permanente, independentemente da sua idade.

O novo serviço integra-se no projecto municipal AmaSénior, que conta com várias iniciativas orientadas para o apoio à população idosa do concelho e para a promoção do envelhecimento activo. Limitado a um máximo de 16 horas e quatro pedidos anuais por habitação, o preço do serviço será avaliado tendo em consideração critérios socioeconómicos dos agregados familiares que requisitem limpeza.

Em comunicado de imprensa, o município informa que os interessados deverão contactar a sua junta de freguesia ou a divisão de intervenção social da câmara municipal da Amadora.

A iniciativa de limpeza a baixo custo é o resultado de uma parceria celebrada entre o município e a Fundação AFID Diferença - que presta o serviço -, uma instituição de solidariedade social que apoia idosos, crianças e jovens com deficiência e em risco.

Para além desta iniciativa, o programa municipal AmaSénior encontra-se subdividido nas iniciativas AmaSénior Lazer (programa que proporciona férias em vários pontos do país), AmaSénior Bem-Estar (que disponibiliza serviços como cabeleireiro ou reflexologia) e AmaSénior Viva + (que oferece programas de ocupação de tempos livres a idosos).